Guerra Civil em Moçambique (1975-1992)

Moçambique

A Independência, 25 de Julho de 1975, foi o inicio não de uma Era de prosperidade, mas de um conflito aberto que degenerou rapidamente numa catástrofe: uma longa guerra civil que fez mais de um milhão de mortes e quatro milhões de deslocados, destruindo todas as estruturas do país. Em vez do progresso, Moçambique, tornou-se um dos países mais pobres do mundo, vivendo de ajudas da comunidade internacional.

A seguir à Independência, de forma unilateral Moçambique, resolve aplicar integralmente as sanções decretadas contra a Rodésia, encerrando as fronteiras, fechando os portos, linhas de caminho de ferro e estradas aos produtos de e para este país. Moçambique torna-se igualmente na principal base para os guerrilheiros da ZANU, o movimento nacionalista que combate o regime branco da Rodésia (Zimbábue).

Moçambique apoiou o ANC no seu combate contra o regime branco na África do Sul.

O preço a pagar por estas posições, como era de esperar seria demasiado alto. A reação destes países não se fez esperar. A Rodésia promoveu um movimento de guerrilha, a Renamo. A África do Sul fechou as portas à preciosa emigração de moçambicanos para as minas do transval.

A sobrevivência de Moçambique passou a estar ligada à rápida queda dos regimes brancos da Rodésia e da África do Sul, assim como aos crescentes apoios vindos da URSS.

A Guerra Civil terminou, em 1992, sob a égide da Igreja Católica. O resultado de 27 anos de lutas foi um país devastado, uma população esfomeada vivendo de ajudas distribuídas pela comunidade internacional. Esta é a única conclusão que recolhe a largo consenso.

Nos termos do Acordo, o governo de Moçambique solicitou o apoio da ONU para o desarmamento das tropas beligerantes. A ONUMOZ foi a força internacional que apoiou neste trabalho, que durou cerca de dois anos e que culminou com a formação dum exército unificado e com a organização das primeiras eleições gerais multipartidárias, em 1994.

 Vídeo Moçambique Guerra Civil

http://www.youtube.com/watch?v=qcncPe4CF60

 

 

 FONTES:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_de_Mo%C3%A7ambique#A_socializa.C3.A7.C3.A3o_do_campo

http://imigrantes.no.sapo.pt/page2mocGuerCivil.html

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: